22 fevereiro, 2012

Top 10: Filmes de Terror

Hi Guys :)

Hoje vou fazer uma lista dos filmes de terror que eu mais amo.

01. O Amigo Oculto (2005)
                                           

Emily (Dakota Fanning) é uma criança traumatizada pela morte prematura da mãe (Amy Irving) que comete suicídio certa noite. O pai (Robert De Niro), um psicólogo renomado procura o auxílio de Khatherine (Famke Janssen de “X-Man, O Confronto Final”) uma de suas ex-alunas, para ajudar a filha, sem muito sucesso. Decide então mudar-se para o interior, onde poderia se dedicar em tempo integral a Emily. Mas lá chegando, descobre que a mesma arrumou um amigo que ele acredita ser imaginário, mas coisas estranhas começam a ocorrer que colocam em dúvida tal fato. 



Este suspense de 2005 foi um grande fenômeno de bilheteria e mostrou como Dakota Fanning, então com oito anos, já se apresentava como uma grande atriz. O ator e esporádico diretor John Polson (de “Fixação”) faz um trabalho até correto, apesar de o roteiro de Ari Schlossberg não ajudar muito e conter todas as batidas fórmulas de filme de suspense e terror. Não é apresentada nenhuma inovação ou qualquer trabalho de câmera que possa se considerar memorável, tudo sendo filmado de um modo bem previsível, mostrando a falta de intimidade do diretor.

O final apesar de surpreendente é apresentado de um modo que quebra todo o suspense construído durante toda a projeção. O vizinho misterioso interpretado por Robert John Burke (de “Boa Noite, e Boa Sorte”) é muito mal aproveitado, gerando poucos sustos e em momento algum se apresenta como um homem perigoso. Para quem quer um filme de suspense sem maiores qualidades até é razoável, mas para aqueles que exigem algo mais que sustos baratos é uma grande decepção. Mesmo tendo no elenco um ator do quilate do premiado Robert De Niro.




02. Do Inferno (2001)

                                             

Em 1888 a cidade de Londres vive um horror sem precendentes, principalmente aqueles que vivem em Whitechapel. Lá mora Mary Kelly (Heather Graham) e seu grupo de amigas, que vivem sendo hostilizadas pelas gangues locais e são obrigadas a se prostituir para sobreviver. Até que uma das companheiras de Mary, Annie (Katrin Cartlidge), é repentinamente sequestrada, com este acontecimento logo seguido pelo brutal assassinato de Polly (Annabelle Apsion). Desconfiando que tais acontecimentos sejam na verdade uma "caçada" às garotas de Whitechapel, o caso logo chama a atenção de Frederick Abberline (Johnny Depp), um brilhante e perturbado inspetor de polícia que muitas vezes usa de seus poderes psíquicos para solucionar casos. Abberline se envolve cada vez mais com o caso e aos poucos se apaixona perdidamente por Mary, mas quanto mais se aproxima da verdade mais Whitechapel fica perigosa para Abberline, Mary e suas companheiras.


O filme é ótimo, sem falar nos atores que são maravilhosos, principalmente Johnny Depp. A cenas são bem reais e bem fortes, o que nos prende ao filme. algumas características são interessantes, como direção de arte, figurino e fotografia, partes técnicas que realmente se saíram impecáveis e dignas de um Oscar. 

03. O Exorcista (1973)
                                       

"O Exorcista" é um filme que causa arrepios até hoje.Seu sucesso é imortal. Uma história terrivelmente interessante, que mexe com nossos medos. O filme foi baseado em um romance de William Peter Blatty, que se inspirou em uma história supostamente real de um garoto que foi possuído pelo demônio.
Vário acidentes o correram durantes e depois das filmagens do filme.
O incêndio no cenário de “O Exorcista” ainda é um mistério. O set pegou fogo num fim de semana quando não havia ninguém lá, deixando as gravações paradas por 5 semanas. Carpetes e paredes foram totalmente estragados. Os spriklers foram acionados, mas acabaram de estragar tudo. Até hoje ninguém encontrou o motivo do acidente, nenhum problema elétrico ou um incendiário criminoso, nada.


Durante as filmagens, houve nove mortes com pessoas ligadas ao filme. Algumas diretamente como o ator Jack Macgowran, que também morre no filme, ele acaba sua participação em "O Exorcista" e dias após morre na vida real. Só de atrição morreram quatro. Em qualquer filme sempre há mortes de pessoas envolvidas mas nove é bem além da cota. Pessoas ligadas indiretamente ao filme também morreram durante 21 meses de filmagens, como o irmão do ator Max Von Sydon, o assistente do cameraman, cuja esposa teve um bebê que morreu. O funcionário encarregado da refrigeração do set e um jovem vigia foram as outras vítimas.
É um ótimo filme, contem cenas bem fortes, aterrorizante.
A cena em que ela desce a escada de cabeça para baixo é a melhor, realmente esse é um clássico do terror.



"O Exorcista" é um filme que causa arrepios até hoje.Seu sucesso é imortal. Uma história terrivelmente interessante, que mexe com nossos medos. O filme foi baseado em um romance de William Peter Blatty, que se inspirou em uma história supostamente real de um garoto que foi possuído pelo demônio.

04. O Iluminado (1980)

                                    

O gênio Stanley Kubrick, em um de seus melhores filmes, um verdadeiro clássico do terror baseado na obra de Stephen King.


O Iluminado tem uma arte maravilhosa. Se levarmos em conta o que o filme proporciona, a arte (vazia), é ótima, pois dá uma sensação maior de isolamento, justificando e argumentando as causas da loucura repentina de Torrence. A fotografia, sempre iluminado o interior do hotel com uma luz branca da neve, luzes que realmente ajudam na formação das cenas fortes, incluindo a do labririnto, com a névoa sobrevoando o hotel à luz do luar.


Além disso, o filme possui cenas de congelar a espinha, como as das gêmeas no corredor, a do sangue que cai do elevador, a cena da mulher do banho e as finais são um prato cheio para quem gosta de um filme assustador e atormentador. O Iluminado é um filme sem sustos, ams que nos deixa com sensações ruins durante toda a sua projeção, a voz dos atores parecem que dão vácuo, o que aumenta a sensação de isolamento e solidão. Esse assusta de verdade, mesmo sem sustos.


Um filme muito emocionante e com certeza desesperador. A maravilhosa obra de Stanley Kubrick é sem dúvida um dos clássicos do cinema com a famosa frase "Jonny is here". O filme te envolve com cenas marcantes e e pensativas. Acredito que é muito mais um suspense do que um terror.

05. O Exorcismo de Emily Rose (2005)
                                               
Emily Rose é considerada doente pelos médicos que a tratam. Os médicos declaram que trataram de casos semelhantes, em que o paciente tem, ao mesmo tempo, surtos de , psicoses, psicolepsias e Esquisofrenia, mas admitem que nem todos os sintomas que a moça tem são previstos. A prescrição médica que a jovem recebe é considerada inútil pelas testemunhas da defesa, uma vez que o caso de Emily não seria de ordem natural. É dito que tais medicamentos são drogas entorpecentes, sedativos tornariam a jovem ainda mais suscetível à possessão e impossibilitada de lutar contra ela. A certa altura dos acontecimentos, o padre Moore, convencido do estado de possessão da jovem, a aconselha a parar de tomar os medicamentos. A jovem vem a falecer, e padre Moore é acusado de negligencia e Homicídio doloso, e levado à corte. No julgamento, ocorre intenso debate entre o promotor público, Ethan Thomas, e a advogada de defesa, Erin Bruner. O promotor é um metodista que se auto-declara "homem de fé, mas também um homem de fatos"; a advogada se define como sendo uma agnóstica. Ela, contudo, demonstra certa mudança de atitude durante o filme.Cenas no tribunal são intercaladas com reconstituições do que teria acontecido, de acordo com a visão daquele que está prestando depoimento no momento. Ao passo que a advogada passa a apostar na validade da possessão demoníaca como estratégia para inocentar o réu, o promotor oferece evidências de caráter pessoal (da vítima) e científico para explicar comportamentos como as línguas que Emily Rose usa para se comunicar durante o suposto estado de possessão e também o aparecimento de duas vozes em uma fita que contém a gravação do ritual de exorcismo.Padre Moore revela uma carta escrita por Emily Rose e entregue a ele. Na carta, ela afirma ter se encontrado diante de Nossa Senhora, que a interpela, perguntando se ela deseja partir naquele momento e ir em paz para os céus, ou se ela quer retornar ao seu corpo possesso e fazer com que muitas pessoas saibam de seu padecimento e venham a crer na existencia de demônios. Emily opta por retornar ao seu corpo. Emily teria recebido os estigmas (marcas das supostas chagas de Cristo) em suas mãos; novamente, é oferecida a hipótese de que Emily teria, na verdade, cortado a si própria com o arame farpado da propriedade, próximo ao local onde foi encontrada com as chagas.

06. A Bruxa de Blair (1999)
                                          
O filme se inicia com 3 estudantes com seguinte mensagem "Em outubro de 1994, três estudantes entraram nas florestas de Burkittsville Maryland, EUA, para filmar um documentário sobre uma bruxa. Jamais foram vistos novamente. 1 ano depois, as imagens foram encontradas". Alegado como sendo um documentário (pois foi filmado pelos estudantes como esse intuito), o filme mostra os angustiantes e assustadores últimos cinco dias de Heather, Joshua e Michael  perdidos nas florestas de Burkittsville após entrevistar moradores do local, eles encontram e ouvem na floresta coisas estranhas, como gritos, choro de crianças, inexplicáveis pilhas de pedras e galhos amarrados em árvores. No climax do filme, eles perdem o mapa e alguns dias depois, Joshua desaparece. Na última noite, logo depois da famosa cena do monólogo de Heather, na qual ela deixa uma última mensagem aos seus pais dizendo que os ama, pede desculpa aos pais de Joshua e Williams e que não quer que o seu legado se perca, eles ouvem a voz de Joshua chamando-os. Os dois correm pela floresta até chegar em uma velha casa abandonada, onde Heather sobe as escadas com sua máquina de filmar, e depois desce até o porão. Ela grita histericamente e a câmera cai ao chão, ao fundo do cômodo pode-se visualizar Michael de costas o que fornece uma pista para o mistério, seguindo-se os créditos finais. Muita gente não entende esse final. Uma das pessoas entrevistadas diz que a bruxa deixa as crianças no canto de castigo enquanto mata a outra, no caso de Williams, ele ficou no canto da parede como se estivesse hipnotizado enquanto a bruxa mata Heather, que está com a câmera.

07. Na Companhia do Medo (2003)
                                                 

É a história de Miranda Grey (Halle Berry), uma prestigiada psiquiatra  criminal que, de repente, vê-se internada numa clínica para deficientes mentais em que presta serviço.Miranda é acusada de ter matado o seu marido, mas ela não se lembra de nada.Fazendo um esforço para recuperar a sua memória, Miranda desconfia que esteja a ser usada por uma força sobrenatural, que esteja à procura de vingança.
Curti muito este suspense que é bacana e recheado com uma trama intrigante e cheia de surpresas. Destaque para as atuações da maravilhosa Halle Berry, no papel da conceituada psiquiatra criminal Miranda Grey, Robert Downey Jr., que andava no anonimato e resolveu "ressuscitar dos mortos", e a show de bola Penélope Cruz. Vale ressaltar ainda a trilha sonora, antenada com o clima característico de suspense e, de quebra, o excelente som do Limp Bizkit "Behind Blue Eyes", nos créditos finais do longa-metragem.

08. Psicose (1960)
                                               

Secretária (Janet Leigh) rouba 40 mil dólares para se casar. Durante a fuga, erra o caminho e chega em um velho motel, onde amavelmente atendida pelo dono (Anthony Perkins), mas escuta a voz da mãe do rapaz, dizendo, que não deseja a presença de uma estranha. Mas o que ouve na verdade algo tão bizarro, que ela não poderia imaginar que não viveria para ver o dia seguinte.


Tem uma ótima fotografia e o trabalho do câmeraman é um dos melhores que eu já vi. Só poderia ser um filme do Hitchcock.


Este é sem dúvida um grande clássico do suspense, todos deveriam pelo menos uma vez assistir esse filme...Adorei! 


As cenas de suspense são muito bem feitas como a cena do chuveiro, a mão segurando a faca e a música, tudo em uma incrível sincronia.


09. Poltergeist – O Fenômeno (1982)

                                       

Uma família é visitada por fantasmas em sua casa, que inicialmente se manifestam apenas movendo objetos. Com o tempo, aterrorizam cada vez, até que capturam a caçula, levando-a para outra dimensão, através do tubo de imagem do televisor. Os pais se desesperam e uma especialista em fenômenos paranormais sugere a ajuda de uma mulher com poderes mediúnicos. 

Realmente um clássico do terror, muito diferente de qualquer filme deste gênero, a crença e o suspense contidos neste filme é muito misteriosa e envolvente o que deixa o filme ainda mais interessante.


10. O Sexto Sentido (1999)

                                         

O psicólogo infantil Malcolm Crowe (Bruce Willis) abraça com dedicação o caso de Cole Sear (Haley Joel Osment). O garoto, de 8 anos, tem dificuldades de entrosamento no colégio e vive paralisado de medo. Malcolm, por sua vez, busca se recuperar de um trauma sofrido anos antes, quando um de seus pacientes se suicidou na sua frente.


Um grande filme. Um dos melhores suspenses da década passada. Roteiro incrível, com atores perfeitos. O garoto Haley roba o filme e merecidamente foi bem indicado (eu daria o Oscar a ele) e Bruce Willis contrói o melhor personagem de sua carreira. É o melhor filme de Shyamalan com um final fantástico, que te faz refletir a respeito de tudo. Imperdível!


Um comentário:

ellen joay disse...

amei a postagem e o blog é muito fofo!!

Postar um comentário

• Não aceito comentários tipo "tow te seguindo, segue de volta" "Seu blog é lindo" sem ao menos comentar sobre o post.
• só respondo comentários que forem a respeito do post.
• Não custa nada ler o post, não faço muito grande por isso, para não ficar cansativo.
• Se não gostar do post, não xingue, fique sem comentar é melhor.

Obrigada pela vizitaa. volte sempre!

© Manguita Rosa - 2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Cecília Lins.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo